terça-feira, 20 de agosto de 2013

Tarte de Chocolate e Caramelo

Tarte chocolate e caramelo

Já andava para experimentar esta tarte há muito tempo. E depois de ver o episódio do Masterchef Australia com o Vincent Gadan, pensei, é desta!
Se está de dieta, é melhor passar à frente porque entre o chocolate, o caramelo e as natas, ai , ai ! Não há ginásio que nos valha!

Tarte chocolate e caramelo passo a passo

É muito simples de fazer e é irresistível, a lembrar um pouco as barras Twix®. Se achar o chocolate preto demasiado intenso, pode substituir metade da quantidade com chocolate de leite.

Tarte chocolate e caramelo


Ingredientes: (para 12 tartes individuais ou 1 tarte grande)


  • 1 base de massa para tartes (receita aqui) ou  massa areada ou quebrada da compra
  • 160 g de natas
  • 200 g de chocolate para culinária
  • 20 g de manteiga
  • 12 colheres de sopa de molho de caramelo (receita aqui)
Passo 1

Siga os passos da receita para bases de tartes e as instruções de cozedura (aqui).
Deixe arrefecer.



Passo 2

Deite uma colher de sopa de molho de caramelo em cada tartes individuais (ou +/- 12 numa tarte grande).
Reserve no frigorífico cerca de 30 minutos até o caramelo solidificar um pouco, entretanto, prepare o ganache:
Aqueça as natas num tachinho, retire do lume e junte o chocolate partido em pedacinhos. Misture bem

tarte chocolate e caramelo passo a passo

Adicione a manteiga e misture novamente até obter um creme liso e brilhante.
Deite este preparado por cima do caramelo e ponha no frigorífico 2 horas antes de servir.

tarte chocolate e caramelo



15 comentários:

  1. Olá :)
    O chocolate não se mistura com o caramelo, ao deitar na tarteira? :/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana Luísa, ainda bem que fez esse comentário ; apercebi-me que esqueci-me de referir esse ponto na receita :(
      Efectivamente, apesar de o caramelo ser denso, convém deixar no frigorífico cerca de 30 minutos para solidificar um pouco antes de deitar o chocolate.
      Vou já rectificar :))
      Obrigada pela visita !

      Eliminar
  2. Boa tarde.

    São mesmo 160g de natas ou são 160 mL ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá TanyaSophiia,

      eu costumo sempre pesar os ingredientes, por isso é que a maior parte das vezes as medidas estão em g.

      No caso das natas, são mesmo 160 g, em ml, dá aproximadamente 155 ml, o que é praticamente a mesma coisa que 160 ml :-), e para esta receita, uma diferença tão mínima não é relevante.

      Resumindo: se der mais jeito medir em g: 160g, se der mais jeito medir em ml, meça 155 ml.

      Espero ter ajudado, e muito obrigada pela visita!

      Eliminar
  3. Muito obrigada pela ajuda !
    Vou fazer este miminho para o meu marido. Espero que tenha tão bom aspecto como a sua. :)

    Parabéns pela receita. Está muito bem explicada. Só tive mesmo essa dúvida na quantidade das natas mas todo o processo percebe-se muito bem como se deve fazer.

    Obrigada, mais uma vez. :)

    ResponderEliminar
  4. Boa tarde.
    Queria, mais uma vez, dar-lhe os parabéns por esta maravilhosa receita.
    O meu marido adorou. Ele adorou mais do que eu estaria à espera.
    É absolutamente fenomenal.
    E é super divertido de fazer.

    Muitos parabéns :)

    ResponderEliminar
  5. Obrigada eu !
    Fico muito contente por ter gostado! O objectivo do blog é mesmo tentar descomplicar receitas, coisas que as vezes parecem muito complicadas, mas com calma e paciência, acredito que todos conseguimos lá chegar :-))
    Obrigada pela visita e pelos comentários tão simpáticos!

    ResponderEliminar
  6. Adorei a pagina! E tenho q experimentar esta receita, tem um aspecto delicioso :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bom dia Catarina, e obrigada pelo seu comentário simpático !
      Pode fazer à vontade, esta tarte não tem dificuldade, apenas tem que ter cuidado ao fazer o caramelo, e não deixar que fique muito escuro para não deixar um sabor amargo!
      Tenho feedback de várias pessoas que fizeram e adoraram !
      Beijinhos, e obrigada :)

      Eliminar
  7. Está Tarte é maravilhosa,Mas...se juntarem um pouco de amêndoa torrada ao caramelo... fica divinal

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário e pela sugestão ! Por acaso já fiz uma versão parecida com uma mistura de frutos secos (avelã, amêndoa e noz) torrados e ficou efectivamente muito boa !

      Eliminar
  8. Olá :)
    Goistava de expertimentar esra receita mas tenhoi uma duvida, a massa das tartes nao fica mole por ser posta no frigoirifico? Gostave que se mantivesse crocante :) obrigada e obrtigada pela partilha

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. OLá António, a massa é feita para levar recheio das mais variadas espécies: caramelo, creme de frutas, chocolate, etc... Não é uma massa crocante no sentido de ser estaladiça como um biscoito por exemplo, mas penso que se referre ao facto de não ficar mole depois de recheada, e quanto a isso, não há problema. No entanto, não aconselho conservar mais do que 2 dias, a partir daí, já há o risco de a massa amolecer.

      Eliminar

Tem alguma dúvida acerca de uma receita? Quer deixar uma sugestão, ou até uma dica? Não hesite, deixe o seu comentário !

Nota: para ver as respostas a perguntas ou comentários, terá que voltar à página do comentário inicial porque não recebem notificação por email da minha resposta. Se alguém souber como configurar isso no blogger, agradeço!